Skip navigation (Press enter)

A NiP tenta contruir uma dinastia, começando no Major do México, diz pino

Só houve uma dinastia real até hoje no "Rainbow Six Siege". Será que a NiP consegue criar a segunda delas na história do esport?

This article is translated. Read the original: NiP looking to build dynasty, beginning with Mexico Major, says pino

Com reportagem adicional de Shikhar "InfianEwok" Gupta.

A Ninjas In Pyjamas (NiP) está em destaque no momento, mas não foi sempre assim

A base sólida da NiP com João “Kamikaze” Gomes, Gustavo “Psycho” Rigal e Julio “JULIO” Giacomelli vem jogando junta na elite já faz algum tempo. Mas apesar de estarem no cenário do Rainbow Six há muito tempo, a line da NiP tem poucos momentos de brilho antes de se tornarem uma potência internacional no Six Invitational 2020.

O trio já tinha perdido na Grande Final da ESL Pro League Season 6 contra a ENCE eSports e também haviam sido semi-finalistas no Six Invitational 2018. Mas fora isso, o elenco da NiP nunca tinha sido considerado favorito ao título, ainda mais com o elenco da PENTA Sports (que se tornaria G2) dominando o cenário.

Foi no Six Invitational de 2020 que os olhos se voltaram para os Ninjas. Depois de uma campanha espetacular na chave de baixo que acabou apenas na Grande Final quando perderam para a Spacestation Gaming (SSG), a NiP começou a ser uma grande ameaça para os torneios seguintes. 

Desde aquela derrota, em um período de pouco menos de dois anos, a NiP já venceu o Six Major de Agosto (Brasil), Six Invitational 2021 e a Copa Elite Six (Segunda etapa). Assim como os campeões mundiais de 2020 da SSG, a NiP foi barrada pela COVID-19, não podendo competir em torneios internacionais.

Agora, com as coisas voltando ao normal, ambos os times terão a oportunidade de se consagrar e possivelmente estabelecer uma nova era na história do Rainbow Six Siege.

Mas apesar das finais da última Pro League e dois Majors terem sido perdidos por conta da pandemia, a NiP não perdeu a boa forma nesse hiato. Eles chegaram com tudo no primeiro evento internacional desde o Six Invitational 2020 em Fevereiro -- o Six Invitational 2021 em Maio -- e levou para casa o título de forma dominante. A questão agora é se eles conseguirão manter o embalo para o Major na Cidade do México e estabelecer a dinastia talvez "perdida".

“Sim, eu acredito que estamos perto de conseguir isso, [criar uma dinastia]”, disse Gabriel “pino” Fernandes. “... Nós fomos os vice campeões do SI, e vencemos o seguinte(SI). E nós estamos no nosso auge, eu acho. Todos no time estão no auge. Nós estamos crescendo.”

Até hoje, o antigo elenco da PENTA e G2 Esports é o único da história do “Rainbow Six Siege” que foi capaz de construir e manter uma dinastia. Tendo começado em Abril de 2017, a sua queda só aconteceu no Six Invitational de 2020.

G2 Esports no Six Invitational de 2020.

Através de elencos diferentes, aquele time conquistou dois Minors, três títulos de Pro League, um Six Major e dois Six Invitational consecutivos. E agora, pode ser bem difícil para um time conquistar tudo que aquele elenco lendário conquistou. A G2 ficou muito à frente dos seus oponentes por muito tempo em uma dominância que nós provavelmente não veremos novamente em um cenário mais maduro de Rainbow Six -- e isso não é motivo de vergonha para time algum. 

A PENTA, nos estágios iniciais da era do competitivo do jogo, era quase imbatível. Tendo perdido apenas duas vezes em 2017 e vencido duas Finais de Pro League. Uma vitória contra esse elenco era praticamente um título por si só.

A sua primeira derrota em eventos internacionais aconteceram durante a Season 6 da ESL Pro League em São Paulo. A derrota da Penta contra a então Black Dragons e-Sports, hoje NiP, nas semi-finais, levou a torcida local à loucura. Os casters brasileiros choraram; foi um momento mágico e memorável para o cenário da LATAM.

Por outro lado, foi apenas um contratempo para os europeus, que conseguiram vencer o seu primeiro Six Invitational três meses depois e acumularam inúmeros títulos.

O elenco da PENTA/G2 ser tão dominante não apaga os sonhos dos outros times de terem sua  própria dinastia. A NiP pode der uma nova era de dominância, mas de outra maneira. A Evil Geniuses (EG) com Troy “Canadian” Jaroslawski foi extremamente bem sucedida no cenário de Rainbow Six por um bom tempo, mas foi sempre ofuscada pela G2 e PENTA. Principalemente por conta disso, a EG não venceu nenhum título internacional apesar de estarem no topo por um período longo.

Team Empire venceu o Six Major Raleigh,  quase que exatamente dois anos atrás.

Além da EG e da G2, a Team Empire pareceu muito fortes, mas os russos só conseguiram ficar no topo durando um ano em 2019. Eles venceram o Six Major Raleigh, as Finais da Pro League e perderam a Grande Final do SI 2019. Vale dizer que em todas essas grandes performances da Empire, eles enfrentaram a G2 duas vezes e a EG uma vez nas finais, dois times tradicionalmente fortes no Rainbow Six.

A Team Empire teve um grande impacto no cenário do Rainbow Six, mesmo com o surto período de dominância, eles sinalizaram o fim da era da G2 em Raleigh, dando à outros times espaço para o sucesso. Desde então, três times diferentes venceram os três eventos internacionais que aconteceram. A Natus Vincere, as Finais da ESL Pro League; a SSG, o Six Invitational 2020 e a NiP, o Six Invitational 2021.

Sem dúvida, ainda há muito a ser feito pela NiP para começar uma dinastia verdadeira, mas isso está longe de ser impossível. Eles estão fortes na LATAM após vencerem o Invitational, assim como no ano passado. A sua dificuldade de garantir vitórias no formato MD1 parece ter desaparecido durante o turno mais recente do Brasileirão, o que será de extrema importância para uma fase de grupos no Major do México com formato muito parecido.

E se a NiP chegar mais uma vez em playoffs em MD3, vencê-los se torna quase impossível. Olhando para os SI de 2020 e 2021, a NiP tem 9 vitórias e apenas 1 derrota nesse formato e vem com uma sequência de sete vitórias desde que perderam para a TSM no SI 2020.

Sem dúvidas, vencer o Major da Cidade do Méximo seria gigante para a NiP, mas isso não será uma tarefa fácil. Apesar de não ter nenhum time tão assutador como o antigo elenco da G2 era, ainda existem times muito fortes com chances reais de vencerem esse torneio. SSG, TSM, Team Liquid, BDS Esport e até mesmo a Team Empire podem ser ameaças ao reinado da NiP.

“Eu acredito [nosso auge no Méximo] vai ser[ainda maior que no SI],” disse pino. “No SI, nós sofremos um pouco para chegar à final, nós vencemos muitos mapas no overtime, mas agora no Major, nós estamos jogando melhor, eu posso sentir.”

Veja a NiP em ação no Six Major do Méximo contra a DarkZero Esports, que acontecerá nos canais oficiais do Rainbow6 na Twitch no dia 16 de Agosto às 16:30 horário oficial de Brasília.